A RESPONSABILIDADE PROCESSUAL AGRAVADA. ARTIGO 96, CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL ITALIANO

  • Clovis Martins Ferreira AGU

Resumo

Este artigo apresenta aspectos gerais sobre a responsabilidade processual agravada prevista no artigo 96 do Código de Processo Civil italiano, como uma das formas utilizadas para se combater o abuso do processo. A norma possui três parágrafos que serão analisados separadamente, evidenciando os seus elementos, pressupostos formais e características. O primeiro parágrafo trata da lide temerária, caracterizada pela culpa grave e/ou má-fé na atuação como autor ou réu no processo de conhecimento. Por sua vez, o segundo parágrafo trata do abuso processual na fase executiva ou em provimentos cautelares, caracterizado pela declaração da inexistência do direito da tutela requerida e ausência da normal prudência no seu requerimento. Por fim, o terceiro parágrafo concede ao juiz o poder de condenar, de ofício, a parte sucumbente à uma quantia de dinheiro equitativamente determinada em favor da parte vitoriosa em qualquer dos casos previstos nos parágrafos anteriores. Representa uma sanção de caráter público. Esse estudo do instituto italiano é uma pequena contribuição sobre o problema do abuso do processo.

Biografia do Autor

Clovis Martins Ferreira, AGU

Pós-graduado lato sensu em Direito Administrativo
Procurador Federal

Referências

ANDRIOLI, Virgilio. Commento al codice di procedura civile. Napoli: E. Jovene, 1943.

BARBOSA, Rui. Oração aos moços. Disponível em: < http://www.culturabrasil. pro.br/zip/aosmocos.rtf>.

BARTOLINI, Francesco; DUBOLINO, Pietro. Il codice di procedura civile: commentato con la giurisprudenza. Piacenza: La Tribuna, 2005.

BRASIL. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. Lei federal nº 13.105, de 16 de março de 2015. Código de Processo Civil. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13105.htm>.

CAHALI, Yussef Said. Responsabilidade do litigante temerário pelo dano processual. Revista da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo, São Paulo, v. 24, n. 96, p. 150-169, out./dez. 1977.

CALVOSA, Carlo. La condanna al risarcimento dei danni per responsabilità aggravata. Rivista Trimestrale di Diritto e Procedura Civile, Milão, ano VIII, p. 378-413, 1954.

CATAPANO, Maria. La responsabilità aggravata (art. 96 CPC). Napoli: Universidade de Estudos de Napoli Federico II, 2013, 214 p. Disponível em: < http://www.fedoa.unina.it/9150>. Acesso em: 12 dez. 2017.

CONSOLO, Cláudio. Codice di procedura civile commentato. Milão: Ipsoa, 2010.

ITÁLIA, CORTE SUPREMA DE CASSAÇÃ O. Disponível em: < http://www.italgiure.giustizia.it/sncass/>. Acesso em: 12 dez. 2017.

LIMA, Patrícia Carla de Deus. O Abuso do direito de defesa no processo civil: reflexões sobre o tema no direito e na doutrina italiana. Revista de Processo, São Paulo, v. 30, n. 122, p. 93-129, abr. 2005.

MANDRIOLI, Crisanto. Corso di diritto processuale civile. Torino: G. Giappichelli, 1971.

MOREIRA, José Carlos Barbosa. Responsabilidade das partes por dano processual. Revista de Processo, São Paulo, v.3, n. 10, p. 15-31, abr./jun. 1978.

SATTA, Salvatore. Commentario al codice di procedura civile. Milão: F. Vallardi, 1966.

SCHENK, Leonardo Faria. Breve relato histórico das reformas processuais na Itália. Um problema constante: a lentidão dos processos cíveis. Revista Eletrônica

de Direito Processual, Rio de Janeiro, v. 2, jan./dez. 2008.

SILVA NETO, Francisco Antônio de Barros e. A responsabilidade processual agravada no direito italiano. Revista do Tribunal Regional Federal: 5ª Região. Recife, n. 60, p. 13-45, abr./jun. 2005.

Publicado
2018-06-13
Seção
ARTIGOS